• (16) 36230547
  • contato@institutogrisi.com.br

HALITOSE E BOCA SECA MANEJO CLÍNICO DAS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E SALIVA - PROTOCOLO ORIS.

HALITOSE E BOCA SECA

Manejo clínico das alterações do hálito e saliva - PROTOCOLO ORIS

*APROVADO pela ABHA – Associação Brasileira de Halitose

PÚBLICO ALVO: Cirurgiões dentistas, médicos e acadêmicos.

DATAS:​ 04, 05 e 06 de NOVEMBRO de 2021 - MATRÍCULAS ABERTAS!

REALIZAÇÃO: Quinta-feira, Sexta-feira e Sábado das 08:00 às 18:00 horas.

CARGA HORÁRIA: 24 horas.

NÚMERO DE VAGAS: 09 Alunos (as).

INVESTIMENTO: R$ 2.850,00

Opção de pagamento:

  • 03 parcelas R$ 950,00.
  • 10% desconto aos associados ativos da Associação Brasileira de Halitose - ABHA.

NATUREZA DO CURSO: TÉORICO – PRÁTICO (Clínico- Laboratorial).

CORPO DOCENTE:

Celi Novaes Vieira

  • Especialista em Periodontia pela Associação Paulista de Cirurgiões-Dentistas.
  • Mestre em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília- UnB.
  • Professora Convidada do Departamento de Periodontia da Universidade de Brasília.
  • Consultora externa da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).
  • Presidente do Departamento de Odontologia Intensiva da Associação de Medicina Intensiva Brasileira – AMIB –Biênio 2018/2019.

Daniela Corrêa Grisi

  • Mestre em Periodontia pela Faculdade de Odontologia de Ribeirão Preto- USP.
  • Doutora em Periodontia pela Faculdade de Odontologia de Araraquara – UNESP.
  • Periodontista do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT).
  • Professora Voluntária do Departamento de Odontologia da Universidade de Brasília-UnB.

 Sérgio Luiz de Souza Salvador

  • Graduado em Farmácia e Bioquímica pela Universidade de São Paulo - USP.
  • Doutorado em Microbiologia e Imunologia pela Universidade de São Paulo - USP.
  • Pós-Doutorado e Professor Visitante junto ao Department of Oral Biology - Oral Bacteriology - School of Dentistry - University of Michigan - USA.
  • Ex Vice-Presidente da International Society of Breath Odor Research - ISBOR. 
  • Professor Doutor da Universidade de São Paulo - USP.

 

 OBJETIVOS:

  • Capacitar no diagnóstico e tratamento das alterações do hálito e de fatores relacionados.
  • Demonstrar a importância do exame salivar e sua relação com a halitose.
  • Orientar quanto às formas de manejo do paciente que se queixa de halitose.

 

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

(D1) – MANHÃ (quinta-feira)

8:00hs as 12:00hs

Apresentação do curso e entrega de material didático.

VIVÊNCIA CLÍNICA DE DIAGNÓSTICO Aula prática-clínica/laboratorial de diagnóstico (prática entre alunos).

*O material clínico que deverá ser providenciado pelo aluno para realização dos exames será solicitado após a sua adesão ao curso.

 

TÉCNICAS DE DIAGNÓSTICO DAS ALTERAÇÕES DE HÁLITO E SALIVA.

1. PROTOCOLO ORIS DE DIAGNÓSTICO:

1.1 Exames do odor bucal:

  1. Organoléptico.
  2. Monitor portátil.

1.2 Exames do status salivar:

a. Fiabilidade salivar.

b. Sialometria.

c. pH.

d. cor.

1.3 Inventário Pessoal:

a. O papel e a importância do “controller”.

b. Avaliação de hábitos.

1.4 Exame Clínico Bucal

a. Ordenha de Glândulas salivares maiores.

b. Glândulas salivares menores.

c. Avaliação Periodontal.

d. Mucosas de revestimento.

Divisão Clínica:

Consultório 1: Avaliação dos padrões salivares; Check List Odontológico e Periodontal. (Prof. Daniela Grisi)

Consultório 2: Exame Clínico Bucal e das Vias Aéreas Superiores (Sistema “LEMON” – Mucosas de revestimento, Dorso Lingual e VAS). Halitometria Bucal, Sistêmica e Nasal Organoléptico e Instrumental. Entrega e apresentação do inventário pessoal: como orientar e realizar os registros. (Prof. Celi Vieira)

Consultório 3: Anamnese (dupla de alunos)

(D1) TARDE (quinta-feira): 14:00hs as 18:00hs

AULA TEÓRICA: CONCEITOS BÁSICOS, FUNDAMENTOS BÁSICOS E MANIFESTAÇÕES CLÍNICAS MAIS FREQUENTES DAS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E SALIVA (PROF. CELI VIEIRA)

  • O que profissional de saúde deve saber sobre hálito e saliva?
  • Com o que devemos nos preocupar, com o hálito ou com a halitose?
  • Com o que devemos nos preocupar, com o status salivar ou com a sensação de boca seca?

CONCEITOS E FUNDAMENTOS BÁSICOS SOBRE O HÁLITO

Conceitos básicos: Hálito – Halitose – Odorivetores

Mecanismos de formação dos odorivetores.

Mecanismos de propagação dos odorivetores.

Mecanismos de percepção dos odorivetores.

Halitose clínica.

Halitose sub-clínica.

Halitose Mista.

Manifestações clínicas mais frequentes.

 

CONCEITOS E FUNDAMENTOS BÁSICOS SOBRE SALIVA

Conceitos básicos: Normossialia –Hipossialia – Assialia – Hiperssialia – Xerostomia.

A saliva como moduladora da microbiota bucal.

Mecanismos de percepção das alterações salivares.

Manifestações clínicas mais frequentes.

 

(D2) – MANHÃ (sexta-feira): 8:00hs as 12:00hs

CLASSIFICANDO AS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E DA SALIVA PARA FACILITAR O DIAGNÓSTICO.

PROTOCOLO ORIS DE DIAGNÓSTICO COM ÊNFASE ÀS ALTERAÇÕES SALIVARES

Métodos de Diagnóstico: teoria contextualizada (Prof. Daniela Grisi)

CONTEXTUALIZAÇÃO TEÓRICA DA PRÁTICA LABORATORIAL

Anamnese.

Abordagem Periodontal

Check List Odontológico

O que encontramos na literatura e o que de fato utilizamos na rotina clínica de diagnóstico.

Procedimentos laboratoriais, clínicos e domésticos de avaliação do hálito e saliva.

(D2)- TARDE  (sexta-feira): 14:00 às 17:00

Técnicas de tratamento das alterações de hálito e saliva

VIVÊNCIA CLÍNICA DE TRATAMENTO

Preparo Básico

Uso do Hiperbolóide

Laserterapia

TENS – Estimulação elétrica transcutânea

Análise e orientação sobre o inventário pessoal

Redução da carga microbiana bucal

Redução da carga microbiana das vias áreas superiores

Divisão Clínica

Consultório 1:  Redução de carga microbiana bucal e das vias aéreas superiores nasal. Prática do uso do Laser (Prof. Celi)

Consultório 2:  Prática TENS (Profa Daniela Grisi)

Consultório 3: Prática de estimulação mecânica – Hiperbolóide (Profa. Daniela Grisi)

 

(D2) NOITE (SEXTA-FEIRA):  17:30 às 19:30

AULA TEÓRICA: Análise do Inventário Pessoal

HIDDEN KNOWLEDGE

Roda de perguntas e respostas sobre o conteúdo apresentado e/ou dúvidas e dificuldades sobre o assunto, ainda não expostas no decorrer do curso.

 

(D3) Manhã (SÁBADO): 8:00 às 12:00 AULA TEÓRICA - CONTEXTUALIZAÇÃO TEÓRICA DA PRÁTICA LABORATORIAL

PASSO A PASSO DO TRATAMENTO DAS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E DA SALIVA

Orientações clínicas gerais odontológicas e sistêmicas.

Procedimentos mecânicos e químicos de redução de carga microbiana local.

Adequação do padrão salivar.

Adequação de hábitos sociais e alimentares

 

(D3) TARDE: 14:00 ÀS 17:00 AULA TEÓRICA - MICROBIOLOGIA DA HALITOSE (Prof. Sérgio Salvador)

HIDDEN KNOWLEDGE (2) 17:00 – 17:30

Roda de perguntas e respostas sobre o conteúdo apresentado e/ou dúvidas sobre o assunto

 

ENCERRAMENTO DO CURSO 17:30 – 18:00 - ENTREGA DOS CERTIFICADOS

Momento de entrega dos certificados do nosso curso, assinado pelos professores do corpo docente do Instituto Grisi e chancelado pela Associação Brasileira de Halitose (ABHA). O que significa que ele é considerado um dos dois cursos sobre halitose exigidos que o profissional faça para depois ser indicado pela ABHA. 

Acesse: www.abha.org.br

 

POLÍTICA DE REEMBOLSO E CONDIÇÕES GERAIS DE CANCELAMENTO.

As solicitações de reembolso serão aceitas SOMENTE por escrito e devem ser encaminhadas por e-mail: contato@institutogrisi.com.br, com a justificativa do cancelamento.

Os valores a serem reembolsados são:

  • Até 30 dias do evento: 70% do valor pago.
  • Menos de 30 dias antes do evento: não haverá devolução de valores pagos.
  • Em caso de não comparecimento durante a realização do curso, não haverá devolução dos valores pagos, EXCETO em casos de doença ou morte, mediante apresentação de documento comprobatório, no prazo máximo de até 5 (cinco) dias, após a realização do curso.

 

O INSTITUTO GRISI ODONTOLOGIA reserva-se o direito de alterar a data do início do curso caso não haja quórum para sua realização.

HALITOSE E BOCA SECA MANEJO CLÍNICO DAS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E SALIVA - PROTOCOLO ORIS.
HALITOSE E BOCA SECA MANEJO CLÍNICO DAS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E SALIVA - PROTOCOLO ORIS. - REALIZAÇÃO:
HALITOSE E BOCA SECA MANEJO CLÍNICO DAS ALTERAÇÕES DO HÁLITO E SALIVA - PROTOCOLO ORIS. - *APROVADO pela ABHA – Associação Brasileira de Halitose

Tags: Odontologia, Periodontia, Halitose, Medicina Periodontal, Associação Brasileira de Halitose, Otorrinolaringologista, Gastroenterologista, Combate ao mau Hálito, Prevenção e Tratamento mau Hálito


Preencha o formulário abaixo e faça sua Pré Inscrição

*Campos Obrigatórios